loading...

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Exercito russo lutou contra um alienígena Anunnaki e o capturou.

Houveram muitas denuncias de seres humanoides e muitos altos, que estavam se ocultando fora das vilas. Os Spetznas russos foram até a área e começaram a buscar os indivíduos suspeitos. Pouco depois de anoitecer, um esquadrão de reconhecimento dos Spetznas enfrentarão um dos humanoides. O humanoide tinha mais de dois metros de altura com uma pele translúcida, que parecia desaparecer gradualmente.

Quando lhe pediu para para mostrar sua identificação. o humanoide pronunciou algo que ninguém do esquadrão não conseguiu entender e depois disso o humanoide fugiu. Depois do combate os soldados perseguirão o humanoide por toda a cidade, e as informações foi que o extraterrestre se moveu a uma velocidade altíssima.

Quem conseguiu ver a criatura no momento da fuga, disseram que ele saltava altos obstáculos, entrando e saindo das ruas. Tinha a agilidade sobre-humana, mas aparentemente tinha uma limitada resistência. Depois de uns 45 minutos, conseguiram o objetivo de pegar a criatura. Um dos soldados disse que o fecharam em um caminho sem saída.

Interrogado pelo Kremlin, o comandante da unidade disse a seus superiores que Anunnaki conseguia de alguma forma usar uma arma sônica que causava desorientação e confusão. Em uma onda de som de alta frequência que obrigou a dois soldados a soltar suas armas e instintivamente a tapar os ouvidos.

De alguma forma, os Spetznas que ficarão resistiram ao ataque extraterrestre. O comandante disse que ao Kremlin que não revelou detalhes sobre como capturaram a criatura.  A Rússia Tão pouco revelaram quais armas foram usadas. Com uma forte guarda, a criatura foi levada a uma instalação militar secreta na base do Monte Yanantau, nos montes Urales.O mistério de Defesa está muito tranquilo sobre o incidente.

Novamente o comandante disse: Isto prova que o presidente Putin continua levando muito a sério a ameaça extraterrestre. Está fazendo um esforço adicional para proteger a humanidade das espécies invasoras. Vladimir Putin, argumentou que são poucos os lideres mundiais que levam a serio a ameaça extraterrestre.

Foi dedicado como recursos consideráveis para identificar e para combater as espécies invasoras no solo russo e também nas nações vizinhas. Os países como a Síria, Yemen, e o Afeganistão, estão fazendo o mesmo, informou o comandante. Mas estes países carecem das finanças e o hardware militar para incursões alienígenas.

E Putin vê os inimigos hostis como insetos para erradicar. Os Anunnakis são só uma espécie de muitas espécies. Segundo sua estimação, o Kremlin sabe ao menos de nove raças extraterrestre que atualmente visitam a terra ou vivem entre nós. Poucas espécies são neutras ou são benevolentes, a maioria em um consorcio de seres malvados ansiosos para desestabilizar a humanidade ao subverter os governos mundiais.

Os Anunnakis e os Reptilianos não são neutros, são os piores dos piores, já que estão sentados em posições de poder político. Para concluir, o comandante disse que a Rússia vai continuar avançando na tecnologia para vencer estas ameaças, independentemente das ações ou inações e outros países. Estavam aqui antes de nós, estarão aqui depois de nós, para nos reservamos o direito de protegermos a nós mesmos e nossos interesses.

(Fonte) 

 
Loading...

3 comentários:

Custom Search